Facebook Youtube Twitter Google + Vimeo Instagram

CMF é a terceira melhor Autarquia do país em Serviços Online

O Vereador Miguel Silva Gouveia recebeu ontem, nas instalações da Microsoft, em Lisboa, o prémio que distinguiu a Câmara Municipal do Funchal enquanto terceira classificada no Índice da Presença na Internet das Câmaras Municipais Portuguesas 2016 (IPIC), no que respeita aos Serviços Online do Município. O galardão foi entregue pelo Secretário de Estado das Autarquias Locais, Carlos Miguel, e no entender do Vereador, “é o reconhecimento do trabalho que este Executivo tem vindo a desenvolver na Modernização Administrativa do Município, promovendo uma maior proximidade com munícipes, visitantes e fornecedores.”

Os IPIC são uma distinção atribuída pela 9ª vez pela Universidade do Minho, desta feita em parceria com a Microsoft Portugal, com o objetivo de reconhecer a presença das Câmaras Municipais portuguesas na Internet, numa perspetiva de conteúdos, acessibilidade, navegabilidade e facilidade de utilização, serviços online e participação eletrónica. A nível global, o Funchal foi a melhor Autarquia da Região e teve o 5º melhor índice entre as Câmaras de grande dimensão do país, sendo que, no total, foram observados 308 websites camarários.

Miguel Silva Gouveia, que tem o pelouro da Modernização Administrativa na Autarquia, destaca que “a Câmara Municipal do Funchal tem vindo a melhorar este índice de forma sustentada nos últimos anos”, considerando que “estes são resultados naturalmente encorajadores à luz da estratégia definida neste mandato, sobretudo se tivermos em conta que lançaremos em breve o novo site municipal, que foi ainda mais detalhadamente desenhado para este efeito.” O Vereador explica, ainda, que “este prémio reconheceu, em particular, o investimento do Município nas plataformas de disponibilização de serviços online, como é o caso mais emblemático do Funchal Alerta.”

Além do Secretário de Estado das Autarquias Locais, a entrega de prémios contou com Luís Amaral, da Universidade do Minho, e Mónica Ramalho, da Microsoft Portugal. A acompanhar Miguel Silva Gouveia, da parte da Câmara Municipal do Funchal, esteve César Rosa, Diretor do Departamento de Modernização Administrativa na CMF.

Funchal Alerta: Cidadania Ativa em toda a parte

O Funchal Alerta é a plataforma de reporte de ocorrências da Câmara Municipal do Funchal, apresentada em 2016, e que veio possibilitar aos cidadãos reportarem diretamente à Autarquia todas as ocorrências que entendam no meio público. A plataforma tem mantido, nos seus primeiros nove meses de utilização, uma taxa de resolução de ocorrências reportadas na ordem dos 95%.

O objetivo da CMF é fomentar a utilização da plataforma online, sem necessidade de recorrer à intermediação dos funcionários camarários, própria de queixas feitas de forma tradicional, nomeadamente por telefone. Através do Funchal Alerta, os munícipes podem reportar à Câmara, através de um smartphone ou de um computador, qualquer problema com que se deparem nos espaços públicos da cidade, através de uma mensagem, de uma fotografia ou de uma localização, sendo depois informados do estado de resolução da sua queixa. Todos os interessados necessitam apenas de dirigir-se a https://funchalalerta.cm-funchal.pt/, preencher um formulário simples e passam a ter na sua posse a ferramenta de que necessitam para exerceram de pleno direito, a tempo inteiro e em qualquer lugar, a sua cidadania.

O Funchal Alerta tem sido uma face visível no esforço de desmaterialização, desburocratização e de modernização administrativa do Executivo, beneficiando agora de uma integração multicanal com a recém-inaugurada Loja do Munícipe. Através do Funchal Alerta, segundo enaltece Miguel Silva Gouveia, “a CMF tem um feedback imediato daquilo que é preciso resolver, assegurando não só a resolução do problema, como uma resposta às queixas. É um diálogo real: todos podem instantaneamente começar a resolver um problema, com a garantia de que serão ouvidos, no pleno exercício de uma Cidade Inteligente e de uma Cidadania Ativa.”