Facebook Youtube Twitter Google + Vimeo Instagram

quinta, 10 janeiro 2019 15:44

Intervenção na Rua Dr. Fernão de Ornelas recomeça na próxima segunda-feira

A Câmara Municipal do Funchal informa que será retomada, na próxima segunda-feira, dia 14 de janeiro, a empreitada da Rua Dr. Fernão de Ornelas, após uma pausa na época natalícia, dando-se início à Fase 2 das obras.

Nesta fase, a circulação rodoviária será interrompida na Rua do Ribeirinho de Baixo (a sul da Rua do Seminário) e na Rua Dr. Fernão de Ornelas (entre a Rua do Ribeirinho de Baixo e a Rua do Carmo), mantendo-se o acesso ao parque de estacionamento do Anadia, através da Rua do Ribeirinho de Baixo.

Terminados os trabalhos na Rua do Ribeirinho de Baixo, segue-se a Fase 3, onde será mantida a interrupção rodoviária na Rua Dr. Fernão de Ornelas (entre a Rua do Ribeirinho de Baixo e a Rua do Carmo) e será retomada a circulação na Rua do Ribeirinho de Baixo, no troço a sul da Rua do Seminário, permitindo a circulação em direção à Rua Dr. Fernão de Ornelas.

Na Fase 4, última fase, a intervenção irá desenrolar-se no Largo do Phelps e Rua do Carmo, entre a Rua 31 de Janeiro e a Rua Cooperativa Agrícola do Funchal, pelo que será necessário realizar a circulação rodoviária em sentido contrário ao habitual no último troço da Rua Dr. Fernão de Ornelas e na Rua do Ribeirinho de Baixo, permitindo o acesso ao parque de estacionamento através da Rua Dr. Fernão de Ornelas e saída em direção à Rua do Carmo. Ao chegar à Rua do Carmo, o condutor poderá seguir no normal sentido de circulação ou virar à esquerda em direção à Rua das Hortas. Para melhor compreensão, abaixo ilustra-se a circulação alternativa para cada fase de obra.

Mais se informa que durante a Fase 2 e Fase 3, as operações de cargas e descargas serão realizadas na Rua do Carmo, na via de trânsito que permite o acesso à Rua Dr. Fernão de Ornelas.

Devido aos constrangimentos previstos, a Autarquia apela a que seja evitada a circulação nos arruamentos afetados, utilizando como alternativa a Avenida do Mar e das Comunidades Madeirenses, a Rua João de Deus e a Via 25 de Abril. Solicita-se, assim, a todos os condutores a melhor compreensão e habitual colaboração no cumprimento da sinalização temporária existente no local.