Facebook Youtube Twitter Google + Vimeo Instagram

quarta, 05 dezembro 2018 17:04

Miguel Silva Gouveia destacou aposta nos artistas locais em exposição de Diogo Goes

O Vice-Presidente da Câmara Municipal do Funchal, Miguel Silva Gouveia, acompanhou, esta tarde, a cerimónia de encerramento da exposição ‘Mamã, Eu não quero ser Pós-moderno!’, da autoria de Diogo Goes, que contou com uma visita guiada pelo próprio artista plástico às suas várias obras. A exposição está patente na Galeria Marca de Água até à próxima sexta-feira, dia 7 de dezembro.

Miguel Silva Gouveia congratulou, desde logo, o sucesso da exposição e evidenciou o crescimento do artista não só na Região, mas também em território continental. “É um gosto ver artistas madeirenses a deixarem a sua marca no panorama português, e o Diogo Goes tem certamente sabido fazer esse percurso, com talento e com resiliência.”

Enaltecendo, ainda, o trabalho desenvolvido pela Galeria Marca de Água ao longo dos últimos anos, o autarca sublinhou, por fim, a diversidade cultural da Madeira, considerando que “investir na cultura passa também por valorizar as nossas raízes, e é isso que tentamos, dia após dia, reafirmar no Funchal, possibilitando momentos de aprendizagem, valorizando os nossos artistas e promovendo uma agenda cultural multifacetada e de qualidade.”