Facebook Youtube Twitter Google + Vimeo Instagram

quinta, 11 outubro 2018 11:21

Funchal mantém taxa de IMI mais baixa do país e avança com nova campanha de vacinação gratuita para cães

O Presidente da Câmara Municipal do Funchal, Paulo Cafôfo, foi o porta-voz da Reunião Camarária de hoje no Funchal e anunciou a aprovação de duas deliberações no que concerne ao Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI), que vão representar a devolução de 2,85 milhões de euros aos funchalenses no próximo ano.

Segundo o Presidente, “o concelho do Funchal manterá a sua taxa de IMI nos valores mínimos de sempre, um recorde histórico de 0,3%. Desde o início da nossa governação temos vindo, de forma responsável e consolidada, a descer a taxa desde os 0,35% até os 0,3% atuais, num esforço substancial para o Município, que abdica de 2,6 milhões de euros, no intuito de aumentar o rendimento disponível das famílias funchalenses.”

A par desta medida, o Executivo também aprovou hoje uma deliberação que estabelece “benefícios para o chamado IMI familiar, para as famílias que tenham um, dois ou mais filhos. Esta medida representa, por si só, uma injeção de 250 mil euros a um universo de 8 mil famílias funchalenses.”

O autarca enalteceu que “o Funchal tem a taxa de IMI mais baixa a nível nacional e aplica todos os benefícios possíveis de serem aplicados em sede deste imposto municipal. A título de exemplo, nos 25 maiores municípios do país, só existem outros três que aplicam a taxa mínima de IMI, nomeadamente Lisboa, Vila Franca de Xira e Viseu, sendo que o Funchal aplica ainda o IMI familiar. É seguro dizer que, em termos de apoios às famílias, o Funchal é um exemplo para a Região e para o país.”

Também aprovada hoje foi a realização da terceira campanha municipal gratuita de vacinação antirrábica e de identificação eletrónica para cães com mais de três meses de idade, na sequência do sucesso das duas campanhas desencadeadas até agora.

Estas percorreram todas as freguesias do concelho, o que voltará a acontecer, e já permitiram vacinar 1168 animais domésticos. A nova campanha volta a não apresentar quaisquer custos para os detentores de cães domésticos e engloba a vacinação, a colocação do chip e o registo dos respetivos animais. A campanha começa este sábado, dia 13 de outubro, percorrendo as freguesias de Santa Luzia, São Gonçalo, São Pedro e Sé.

Calendário

13 outubro

Centro de Convívio de Santa Luzia, das 9h às 11h

Junta de Freguesia de S. Gonçalo, das 11h30 às 13h30

Junta de Freguesia de S. Pedro, das 14h30 às 16h

Jardim Municipal (Sé), das 16h às 17h30

 

20 outubro

Centro Cívico de S. Martinho, das 9h às 11h

Instalações do Polidesportivo do Monte, 11h30 às 13h30

Centro Cívico de Sto. António, das 14h30 às 16h30

 

27 outubro

Centro Cívico de Sta. Maria Maior, das 9h às 11h

Miradouro de São Roque, das 11h30 às 13h30

Quinta do Poço (Imaculado Coração de Maria), das 14h30 às 16h30