Facebook Youtube Twitter Google + Vimeo Instagram      Município do Funchal

Notícias

 

O Funchal apresenta, a partir de hoje, a sua agenda cultural para resistir à crise. “A Câmara Municipal, através da Divisão de Turismo e Cultura, reinventou toda a sua programação para os meses de abril e maio, em virtude da crise de saúde pública que vivemos, e avança com uma proposta de 40 eventos para os próximos dois meses, que acontecerão no local mais próximo e seguro possível para os funchalenses, e todos os madeirenses que assim se quiserem juntar a nós: a sua casa”, anuncia o Presidente Miguel Silva Gouveia. Até ao final de maio, e sob o mote “A Cultura Que Nos Une”, a Autarquia preparou uma multitude de momentos que serão transmitidos nas redes sociais camarárias, com incidência nas páginas oficiais de facebook e instagram da Câmara Municipal do Funchal, do Teatro Baltazar Dias, dos museus municipais Henrique e Francisco Franco e A Cidade do Açúcar, e ainda da Biblioteca Municipal do Funchal.

O Executivo da Câmara Municipal do Funchal reuniu esta quarta-feira com os corpos dirigentes da Autarquia, num encontro com vista a fazer um ponto de situação das medidas que têm vindo a ser aplicadas pela Autarquia ao longo do último mês, para fazer face à pandemia de COVID-19 que afeta o concelho, e para definir algumas linhas de ação quer para o período da Páscoa que se avizinha, quer para o decurso do estado de emergência decretado a nível nacional, que se prolonga no mês de abril.

O Presidente da Câmara Municipal do Funchal, Miguel Silva Gouveia, participa amanhã, quinta-feira, dia 9 de abril, pelas 18h, na tertúlia "Cultura em Contingência", uma iniciativa da Autarquia que vai reunir vários agentes culturais regionais, nomeadamente Rui Camacho, Élvio Camacho, Hélder Folgado e Henrique Amoedo.

A Câmara Municipal do Funchal mantém-se empenhada em salvaguardar a Causa Animal mesmo durante a atual crise de saúde pública que a Região enfrenta e procedeu, esta semana, à aquisição de material médico-veterinário para o Centro de Recolha Municipal do Vasco Gil, no valor de 20 mil euros. A compra inclui vacinas e desparasitantes diversos para cães e gatos, a par de vários outros medicamentos e equipamentos, tais como chips, seringas e agulhas.

Pág. 1 de 728